Como comunicar com os animais? (Entrevista com Mariví Simona)

Eu amo animais. Desde pequenina.

Sempre estiveram presentes na minha vida. Sempre. Cães, gatos, galinhas, ovelhas, vacas… Os meus avós eram agricultores e passei a minha infância até aos 6 anos a ir para o campo todos os dias… Tenho fotografias rodeada de animais, eu em cima das vacas bébés… Era uma alegria… Eram parte da família, sempre foram.

Quando tinha cerca de 3 anos, o meu pai matava galinhas (que horror, mas sabemos que é uma prática corrente no campo) e deixou uma faca ali solta… E eu, sem saber o que fazia, peguei na faca e espetei a faca no lombo do meu cão… Que era um pastor alemão enorme e que me acompanhou desde o meu nascimento até eu ter 10 anos de idade… Ele ficou ferido, não me fez nada. Não me atacou. Ficou sereno a olhar para o meu pai. Essa história é contada pela minha família muitas vezes. O cão sabia que eu era inocente. Ficou ali, com uma ferida do tamanho de um dedo, sem fazer nada. Os meus pais levaram-me logo ao veterinário e ficou bem em pouco tempo.

A moral da história é: os animais são muito mais (emocionalmente) inteligentes do que pensamos…

Eles sentes, têm uma consciência e estão profundamente ligados ao nosso coração. À verdade em nós. Eu adorava animais e adoro. E inclusive fui mordida por um cão no Jardim zoológico de Lisboa, mas mesmo assim, sempre acreditei que eles eram inocentes, devia estar assustado e acho que foi porque eu fui lá meter-me com ele à criança de 3 anos e ele para se defender, mordeu-me.

Os animais têm sentimentos. E mais, eles escolhem-nos como donos. Têm uma missão a cumprir connosco, isto foi o que descobri com o trabalho da Marivi Simona.

Em Setembro, depois de viver a morte do meu gatinho de 5 meses, senti claramente que precisava de ajuda. Muitas perdas de animais nos últimos 2 anos e eu estava mesmo revoltada com a vida. Eu que amo tanto os animais e me dou tanto perdê-los porque me estava a acontecer isso?

Foi então que uma amiga linda me falou do trabalho da Marivi. Com a equipa da Marivi, ela tinha conseguido recuperar a sua gatinha que estava desaparecida há mais de 40 dias em pleno Inverno! E aqui no Minho, as noites de Inverno são mesmo geladas! Mas a minha amiga não perdeu a esperança, encontrou a Marivi e ao fim de 40 e poucos dias, a sua gatinha voltou para casa sã e salva! Depois de muita comunicação interior e comunicação com a gatinha. Essa história emocionou-me e contratei os serviços da equipa da Marivi para comunicar com todos os animais que já tinham passado pela minha vida.

As descobertas são reveladoras! As comunicações não são literais, é preciso compreender que é uma comunicação subtil e às vezes as respostas não são diretas, mas aquilo que recebi foi mais daquilo que eu imaginava ser possível!!

Foi tão impactante para mim e para a minha relação com os meus animais, que decidi, não tinha como não partilhar esta grande descoberta contigo!

Os teus animais fazem parte da tua alma. São acordos de almas, não estão contigo por acaso e vem sempre somar à tua vida. Depois de trabalhar e fazer o curso da Marivi de Comunicação Animal, sinto-me muito mais próximas dos meus gatinhos e consigo comunicar diretamente com eles. Compreendo-os, eles compreendem-me a mim. Adotamos outro gatinho e falei com a Lua (a mãe do Osho que faleceu) e pedi-lhe, se fosse possível para ela, cuidar do Benji enquanto eu ía estar fora de casa uma semana. No primeiros dias do Benji na nossa casa, ela estava muito arisca, quando voltei agora da minha viagem às Bahamas, foi delicioso vê-los juntos! Ela assumiu-o como filho, está sempre a lambê-lo e a dar-lhe miminhos e eu agradeci-lhe tanto. Sinto-me mais ligada a ela que nunca. Realmente já tinha aprendido muito sobre cuidados paliativos e como lidar com as perdas das pessoas amadas, mas nunca tinha feito este trabalho com os animais e isso fez toda a diferença na minha vida!

Por isso, se precisas ajuda em compreender melhor o teu animal, de lidar com alguma perda animal (para quem ama os animais, uma perda de um animal pode ter a mesma ou intensidade superior à perda de uma pessoa…verdade?), de encontrar um animal perdido ou comunicar com ele para ver o que aconteceu… De levar mais harmonia à relação com os animais em casa ou até se estás a pensar trazer um animal para viver contigo… Vê esta entrevista agora, é para ti!

Estou super extasiada e em profunda celebração por trazer até ti este tópico tão especial como é o da comunicação com animais. Yujuuuuu ¯\\_()_/¯

Tive o prazer de conhecer esta mulher maravilhosa – Marivi Simona – uma Rainha Linda que tem vindo a comunicar com os animais há mais de 20 anos, criou uma Escola Entrespecies e que vai partilhar contigo:

– Desde onde comunicam os animais;

– Qual a missão que os animais têm na nossa vida;

– A mensagem mais linda que recebeu de uma baleia (eu emocionei-me!);

– Como “comunicar com animais” nos coloca mais em sintonia com a nossa própria alma;

– Dicas práticas como comunicar com os nossos animais no dia-a-dia e, para quem não tem animais, o que se pode fazer para entrar neste maravilhoso mundos dos animais, pouco a pouco e ao ritmo de cada pessoa.

Clica em seguida para aceder ao episódio da Andreia TV desta semana, conhecer um pouco mais das minhas aventuras com animais e saber como podes contribuir para a Fundação que estou a criar para ajudar todos os animais de Portugal e quem sabe arredores!!! (Já recebi propostas de unir forças e criar algo até a nível mundial!) – é uma colaboração fácil e conto-te tudo no meu blog!

Sim, Andreia – quero ver a entrevista e saber mais sobre comunicação animal!!

Este é um dia super especial para mim!! E estou tão tão feliz de poder partilhar esta nova descoberta contigo. Vê a entrevista, vais descobrir como a conexão aos animais te pode ajudar também a encontrar o teu propósito. É mágico!

Esta é uma das minhas grandes contribuições para o mundo. 

E a causa que eu apoio voluntariamente no meu negócio. O meu sonho é Criar uma fundação em 2020 de Ajuda Animal. São necessários 50.000€ e já consegui os primeiros 20.000€!! Yeahhhh 😊 

Criar uma Fundação é toda uma grande burocracia, é necessário ter dois funcionários efetivos, bem é um grande, grande projeto!!! Se sentes que gostarias de estar envolvid@, como voluntário ou até como funcionári@, dá-te a conhecer! Conta-nos um pouco mais de ti e como podes ajudar. Estamos também numa missão de recolher contactos de todas as associações do país. Se conheces associação, aqui está o documento que podes preencher (copia e cola este link noutro separador):

http://bit.ly/lista-assoc-animais-portugal

A nossa Missão é funcionar como uma Fundação que apoia financeiramente projetos relacionados com o Bem-Estar Animal em todo o país. Se te sentes em sintonia, ajuda-nos a preencher este documento com as associações que conheces! Mais tarde, vamos reunir toda a informação e criar um grupo e regras de candidatura aos Fundos da Fundação.

Recebi esta Canalização Direta com o Divino. Isto tem de ser feito. E abracei essa Missão e agora peço-te que me ajudes também a divulgar a palavra e, se te sentes mais intimamente ligad@ a esta causa, por favor, responde a este email, conta-me quem és e como poderia ser uma mais valia para este projeto. Precisamos de toda a ajuda possível para retribuir a estes seres fabulosos todo o amor que também nos dão. 

E outra coisa super importante, partilha com os teus contactos, escreve porque é importante para ti ajudar os animais e partilha esta entrevista!! Ajudar os animais é ajudar a parte mais profunda e mais instintiva da nossa natureza. Eles precisam de ti. E eu preciso de ti para ajudar a divulgar esta mensagem de Amor Animal. Conto contigo? Se sim, copia e partilha já o link:

www.andreiaviana.com/comunicacao-animal-entrevista-marivi-simona

Gratidão imensa!!!!

Os animais agradecem este pequeno ENORME gesto para ajudá-los. E eu agradeço-te a ti a coragem de abraçares e te expores no mundo com este amor aos animais. Gratidão de coração. E quem sabe, um dia não farás parte da equipa de funcionários / voluntários da Fundação 😍

Um abraço de coração,

Andreia

20 comentários em “Como comunicar com os animais? (Entrevista com Mariví Simona)”

  1. Amo Animais
    Sempre tive animais na minha casa fazendo parte da família neste momento tenho uma cadela com um ano que protege o meu filho como uma cria e tenho um cão com quinze anos que esta velhinho já tem dificuldade em andar e já não há muito a fazer por ele ou seja ele sente o nosso amor que o levantamos para poder caminhar e higienização diária depois de ver o vídeo compreendi que o caminho que temos fazer dar lhe Amor como sempre demos desde bebe
    tenho um Gato Romeu que foi buscar ao gatil um bebe que se habituou aos cães e mudou o meu marido que hoje o adora, ele dizia que não gostava de gatos essa e a conexão entre nos
    Eles dão nos tudo sem pedir nada em troca e são fieis ate morrer eles ensina nos todos os dias acreditar que amar vale todo
    Amei esse vídeo
    Cristina Santos

    Responder
    • Ola Cristina. Vi aquilo que escreveu do seu cãozinho de 15 anos. Tenho um cãozinho ja com bastante idade também. Faz agora 1 ano que ele perdeu o andar e no veterinario disseram que a única hipótese era ele ser operado, uma operação muito arriscada e cara. Na altura disse-lhes que estava fora de questão devido à idade dele e a ter problemas de coração. Quando o fui tirar do hospital, recebi o contacto de uma médica que faz Acunpuctura. Marquei consulta com ela e só com uma sessão ele já conseguia andar. Não sei se já experimentou algum tipo de tratamento deste, mas para o meu Ruca foi como um milagre. Beijinho

      Responder
  2. Grata Andreia por este episódio da Andreia TV, adorei e como sabes e referiste perdi dois dos meus animais desde o inicio do DTA, e gostava muito de poder comunicar com eles, logo que eu esteja melhor financeiramente vou certamente procurar os serviços da Simara como tu aliás já ma tinhas referido. Sabes que um dos meus sonhos será ter uma casa para animais abandonados e mal tratados e agora com a iniciação ao Reiki ainda fiquei com mais certezas pois a minha sensai também quer um santuário para animais, o universo está a dar-me todas as indicações para o meu caminho, só preciso mesmo da abundância financeira para seguir com o meu sonho para a frente. 🙂 Por isso querida Andreia se eu puder ser útil neste teu novo projecto estarei disponível. Um forte abraço cheio de gratidão para ti. beijinhos

    Responder
    • Olá querida Sandra,
      Muito Grata pela teu comentário ♥
      Deste lado ficaremos muito felizes por ver esse teu sonho realizado 😉
      Um abraço cheio de luz, Elsa, assistente virtual

      Responder
  3. Uau! Tive animais a vida toda. Sinto que comunico muito bem com eles o último que me adoptou e que levei para casa, e esteve comigo quase 16 anos foi o meu melhor amigo. Ainda hoje o amo tanto e o sinto. Foi meu professor, meu filho, meu guia. É muito especial. Sei que mesmo depois de ele ir para o céu dos animais, algo dele muito poderoso ele deixou em mim, pois noto nos cães com que agora me cruzo. Parece que vêm em mim que estou ligada ao Barnabé – pela forma como me abordam. E gosto. Fico feliz 🙂 Sei que amá-los e acariciá-los é como acariciá-lo e amá-o. Faz sentido para vocês? 🙂
    Bem…. vou ver o vídeo
    Grata

    Responder
  4. Vivo na natureza há 8 anos e desde esse tempo que tenho cães Serra da Estrela. Eles sao seres unicos!!! e acho que ouvem tudo o que digo:))))

    Sinto que uma das minhas missoes nesta vida e fazer algo para /com os animais. Falo com eles, e consigo acalma-los facilmente com corpo espelho. Tento uma relacao profunda e total de coração com eles e com todos ios animais que encontro, Sou assim desde pequena mas estou a desenvolver cada vez mais . O que poderei fazer? Neste momento tenho um cao, o Sol com um ano, a Pipoca a Mae do Sol e mais 8 bebes que nasceram em Outubro.

    Responder
  5. Olá Andreia! Adoro animais, especialmente cães e quero fazer parte dessa associação que criaste. O meu nome é susana carvalho, sou de braga, mas moro en vila verde, onde adoptei 2 caes de rua. Aqui em vila verde existem muitos animais abandonados e mal tratados. Na altura do Verão deixam os caes presos às arvores no meio do monte. Uns conseguem escapar e vão ter ao nosso loteamento, mas outros infelizmente não conseguem. Eu neste momento tenho 3 cães e já não tenho condições de acolher mais nenhum, mas sinto que tenho de fazer algo mais, porque as associações que existem são insuficientes.

    Responder
    • Olá querida Isabel,
      Muito grata pelo teu comentário ♥
      Contar-nos um pouco mais de ti e como podes ajudar neste projeto? 😉
      Um abraço cheio de luz, Elsa, assistente virtual

      Responder
  6. Uau Andreia… brutal…. olha eu tenho uma relacao muito especial com os animais e eles tambem comigo….. às vezes digo a brincar q sou encantadora de caes e gatos…. tenho uma relacao mt engracada, especialmente com gatos….
    A mais valia que eu te poderia trazer é que eu visto mesmo a camisola quando entro num projecto… diz me como te posso ajudar a concretizar esse teu projecto… seria um grande prazer 🙂 ❤ ate breve

    Responder
    • Olá querida Paula,
      Muito grata pela tua partilha ♥
      Irei fazer chegar-te informação por email 😉
      Um abraço enorme, Elsa, assistente virtual

      Responder
  7. Olá Andreia!
    O teu desafio para poder vir a trabalhar convosco e fazer parte deste enorme projecto toca-me por completo em várias certezas:
    1°- Acredito como tu nos animais;
    2°- Adoro escrever (é o que sou) e não o faço nada mal. Fazê-lo profissionalmente é o sonho da minha Vida;
    3°- Desde que te sigo, não tanto quanto gostaria, a minha intuição diz-me que a minha Vida passará por ti. E agora vens tu desafiar-me? Começo a sentir na pele a verdade de que nos falas. Até breve, espero!?

    Responder
    • Olá querida Rainha,
      Muito grata pela tua partilha ♥
      Vou enviar-te mais informação para o teu email 😉
      Um abraço cheio de luz, Elsa, assistente virtual

      Responder

Deixe um comentário

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.